16/09/2019

Selo ABVTEX Classificação Ouro 2019

Sobre o Programa

Considerado um “divisor de águas” no combate ao trabalho análogo ao escravo e infantil na cadeia de valor do varejo de moda, o Programa ABVTEX representa o esforço setorial das redes varejistas para a implantação das melhores práticas de compliance entre seus fornecedores e subcontratados. Lançado em 2010, o Programa foi uma resposta da ABVTEX a favor do uso do trabalho digno na cadeia produtiva dos artigos de moda, e vem sendo aprimorado ao longo do tempo. A meta é tornar-se referência internacional nos próximos cinco anos.

Inicialmente restrito à cadeia de fornecimento das varejistas signatárias, que aderem voluntariamente ao Programa assumindo o compromisso de auditar e monitorar 100% de sua cadeia e somente adquirir produtos das empresas aprovadas nas auditorias, o Programa ABVTEX ampliou o seu caráter inclusivo. A versão atual do Regulamento contempla a condição de realizar auditoria sem ter vínculo com varejista e ser classificado como “Auditado”. Oferecendo a possibilidade a todos os interessados em passar por auditoria e se habilitarem a fornecer às redes varejistas.

O maior legado do Programa ABVTEX tem sido a união das empresas varejistas, que atuam num mercado altamente competitivo, em torno de uma causa comum: o desenvolvimento sustentável da cadeia de valor e a aplicação das regras de compliance junto à cadeia de fornecimento.

O Programa possui um Comitê Gestor para regular sua atuação e conta com o apoio de um Conselho Consultivo formado por entidades representativas da sociedade e do Governo: Abicalçados, Abit, Ápice, COETRAE-SP, Conaccovest, Instituto Ethos, Observatório Social, OIT e Sebrae. Os participantes reúnem-se periodicamente para analisar os avanços obtidos e apresentar valiosas contribuições para o aprimoramento do Programa.

Resultados

Desde 2010, o Programa ABVTEX já realizou mais de 21 mil auditorias em confecções e seus subcontratados. São números que impressionam pela magnitude:

O reconhecimento à iniciativa ultrapassou as fronteiras do varejo de moda e se traduz na conquista de vários prêmios, sendo o mais recente o 1º lugar no Prêmio Direitos Humanos 2018, concedido pelo Ministério dos Direitos Humanos (MDH); o Selo Direitos Humanos e Diversidade 2018 da Prefeitura de São Paulo; o Prêmio von Martius de Sustentabilidade 2016, 1º lugar na categoria Humanidade, outorgado pela Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha. Em 2013, o Programa recebeu o Prêmio Fecomercio de Sustentabilidade na categoria Entidades e, em 2012, menção honrosa entre cases de sustentabilidade pela FGV.

 

A delfa foi aprovada em 2019 com o Selo Ouro com validade até 09|10|2020.